Poderíamos falar sobre várias unidades do Sesc, todas importantes centros culturais e pontos de encontro das comunidades onde estão instaladas. No entanto, nos parece que o Pompéia reúne muito mais do que o público que mora na região. Suas exposições, shows e até a comedoria atraem centenas de pessoas todas as semanas.

A primeira vista o Sesc Pompeia parece uma fábrica, e ele de fato já abrigou não uma, mas duas indústrias: uma fábrica de tambores de óleo e uma de geladeiras. A localização era perfeita: próxima à antiga avenida Água Branca e pertinho dos trilhos da Santos-Jundiaí. O espaço foi adquirido pelo Sesc no início da década de 1970 e Lina Bo Bardi foi a responsável pela revitalização do espaço. Quando foi aberto ao público, em 1982, seu nome era Sesc Fábrica Pompéia.

Hoje é apenas Sesc Pompeia, mas reúne uma infinidade de atividades para todos os gostos. Dá para passar um dia se bronzeando no deque solarium, lendo livros e revistas na biblioteca, com pausas para almoço e lanchinhos na comedoria. De noite pode ter teatro, shows, performances e o que mais se imaginar. Ali também são oferecidos cursos e a possibilidade de praticar esportes, como natação. Para aproveitar ao máximo, é necessário possuir uma carteirinha Sesc, mas a grande maioria das atrações está disponível para o público em geral, apenas por um preço mais caro (que mesmo assim é barato). Vale muito a visita!

dsc05650

***

Tem mais Especial São Paulo, 463 Anos aqui – clica e confere 😉

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s